As piores cidades para nômades digitais, mochileiros e viajantes

Achar os melhores é fácil. Mas… escapar das piores cidades para nômades digitais, mochileiros e viajantes é difícil, mas muito difícil!!! Mas, mais importante ainda você não pode deixar de saber quais são!!
 
Está bem, mas agora me diz, como alguém define quais são os piores lugares? Para isso, é necessário experiência e também, muito network. Afinal, o que é bom para uns é ruim para outros. Vou levar em conta alguns pontos e separar em ordem de melhores cidades para piores cidades. Agora, se você quer uma dica de ouro de como achar destinos imperdíveis, se liga nesse site aqui: Nomadlist é a bíblia dos nômades, ele juntou centenas de milhares de nômades e fez uma pesquisa de cada um para definir quais os destinos que eles mais gostavam e… mais odiavam. Chega de enrolação……. Vamos pra cima Rufem os tambores!!!!!

O troféu de pior cidade fica para!!! Port Moresby

Talvez pegue alguns de surpresa. Afinal, é uma cidade um pouco famosa e também, populosa. Shiraz, tem aproximadamente 1,5 milhões de habitantes e tem sua economia baseada na produção de cimento, açúcar e eletrônicos em geral.
Agora, por que ela estaria na lista? Afinal, por ser maior deve ter alguns pontos turísticos e restaurares. Além dos belos jardins espalhados pela cidade Shiraz não oferece muitas oportunidades de turismo.
Alguns pontos positivos são: acessível, segura e bons hospitais.
Alguns pontos negativos são (Alguns, se citar tudo meu teclado pifa): Sem liberdade de expressão, internet horrível, nada para fazer, estradas perigosas e nada segura para mulheres.

O troféu de bronze fica para!!
Mogadíscio na Somalia

Talvez pegue alguns de surpresa. Afinal, é uma cidade um pouco famosa e também, populosa. Shiraz, tem aproximadamente 1,5 milhões de habitantes e tem sua economia baseada na produção de cimento, açúcar e eletrônicos em geral.
Agora, por que ela estaria na lista? Afinal, por ser maior deve ter alguns pontos turísticos e restaurares. Além dos belos jardins espalhados pela cidade Shiraz não oferece muitas oportunidades de turismo.
Alguns pontos positivos são: acessível, segura e bons hospitais.
Alguns pontos negativos são (Alguns, se citar tudo meu teclado pifa): Sem liberdade de expressão, internet horrível, nada para fazer, estradas perigosas e nada segura para mulheres.

O troféu de bronze fica para!!
Mogadíscio na Somalia

Apesar de não tão conhecida Mogadíscio é uma bela cidade na Somalia, conhecida pelas belezas naturais. Porém, para por aí. A anos a cidade vive em conflito interno, causando terror e atrasos para a economia do pais.
Para você ter ideia, leia a frase de um nômade que morou lá (não me pergunte por que): . – Mogadíscio é um lugar bem legal. Muito interessante. Só perdi dois amigos próximos no último ano.
Já entendeu que se você não estiver procurando uma aventura não é para ir lá né? Hahahha
Pontos positivos de Mogadiscio: Belezas naturais, espaçosa. Pontos negativos: Liberadade de expressão, Hospitais horríveis, hostil a todas minorias e nada pra fazer.


Gostou do post? Se sim, abre o post seguinte dos melhores países para nômades digitais!! Um grande abraço meu lindo e minha linda!
Não gostou? Manda o post para sua sogra então.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.